Sara Saraiva

Por: Muriel Mendes Dentro: Pet People Em: Comentário: 0 Hit: 92

“Toda eu sou sonhos, mas os maiores passam sem dúvida pelos animais”

“Chamo-me Sara Saraiva, tenho actualmente 23 anos e estou a tirar a licenciatura em Marketing, que se tudo correr bem acabo durante este próximo ano lectivo. Sou vegetariana há dois anos e com vontade de me tornar vegan.

Desde que me conheço que amo animais. Nas minhas recordações de infância tenho presentes as tantas vezes que ia na rua e fazia uma festa a todos os animais que passassem por mim, tivessem eles dono ou fossem abandonados, e sempre me diziam “Não ponhas a mão sem conhecer ou perguntar se podes. Eles podem-te ferrar.” Pelos vistos nunca quis saber disso, o próximo que passasse, levava uma festinha minha.

Os anos passaram e, na verdade, nunca tive contacto com tantos animais assim, a não ser os animais de estimação de casa e com cavalos, nos anos em que pratiquei equitação. Mas o bichinho estava lá.”

Na altura de pensar no futuro, a Sara pretendia ser veterinária, mas algumas áreas de estudo não eram o seu forte. Seguiu-se a hipótese do Jornalismo, no entanto, a sua mobilidade reduzida, devido a sua condição de infância – paralisia cerebral, fez com que a sua candidatura não fosse aceite… Surgiu então o curso de Marketing, caído “de paraquedas”, o qual a Sara acredita ser a ferramenta certa e fundamental, para seguir com os seus projectos.

A Sara é única responsável pelo projecto Mãos Amigas Patas Felizes, um projecto que é movido pela sua força de vontade e incansável vontade de ajudar, seres frágeis, abandonados e mal tratados, por quem lhes deve respeito e cuidado. Não existe ainda nenhum terreno, ou espaço físico, e todas as ajudas e donativos, são canalizados nas despesas de saúde, alimentação e alojamento dos animais abandonados.

Com o tempo que dispõe, e o interesse pelo comportamento animal que desenvolve (tendo já participado em palestras e workshops), dedica o seu conhecimento a reabilitar animais receosos e de comportamentos inadequados, dentro do que lhe é possível, para facilitar a sua adopção e a sua convivência em família, o que lhes garante um futuro mais prometedor.

Neste momento a Sara tem 8 animais em casa, sendo 5 deles, resgatados por ela. Acabaram por ficar instalados, uma vez que não apareceram famílias de acolhimento ou alguém que os adoptasse.

“De futuro, a minha vida passará toda por eles, os meninos de quatro patas. Pretendo ter um terreno e construir um abrigo, não só para cães e gatos, mas para todo o tipo de animais que infelizmente por vezes aparecem também abandonados, como cavalos e ovelhas. Infelizmente arranjar um terreno não é algo fácil. Já pensei também em tornar-me associação num futuro próximo, mas neste momento estou com bastante dúvida se nos dias que correm será benéfico ou se o melhor é ir fazendo o que posso individualmente. Apenas preciso dum terreno.”

Para além disso, a Sara adora ler e quer escrever um livro, um dia. Adora a Natureza, e os Animais, o Ambiente e o Planeta são o que mais a preocupa…

A Sara é simplesmente uma das pessoas fantásticas que tenho o prazer de conhecer no decurso da minha vida. É uma jovem, cheia de sonhos, que face aos altos e baixos da vida, escolhe erguer-se e defender os seus princípios. Porque se na verdade, não podemos salvar o mundo, a Sara decidiu salvar quem pode e não virar costas à dificuldade.

E essa é a admirável faceta de quem adora e defende animais. Vê o lado mau que prospera de alguns seres humanos, mas decide ao invés de abraçar o cinismo, acordar de manhã e continuar a sonhar e provar, dia após dia, que é possível.

It is one of the beautiful compensations in this life that no one can sincerely try to help another without helping himself.

Ralph Waldo Emerson

Na mesma Categoria

Relacionado por Tags

Comentários

Deixar seu comentário